DezDez
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Ir para baixo
SquareWatch
SquareWatch
Mensagens : 930
Data de inscrição : 27/04/2019

Vostok Amphibia - 1.ª Geração Empty Vostok Amphibia - 1.ª Geração

Dom 21 Jul 2019, 23:57
Olá a todos!
Esta semana chegou mais um relógio à minha caixa de correio cheers.
Desta vez foi um Vostok Amphibia (Восток Амфибия), o meu primeiro relógio deste fabricante e deste modelo tão icónico da relojoaria russa/soviética, e não só.

Há já algum tempo que desejava ter um Vostok Amphibia. Pelo seu valor icónico, pelo seu desenho engenhoso... mas os modelos que encontrava eram todos muito espalhafatosos para o meu gosto.

Até que um dia, ao pesquisar sobre relógios que participaram em viagens espaciais (vertente do mundo dos relógios que muito me apraz), me deparei com esta foto...

Vostok Amphibia - 1.ª Geração Vostok10
(Arnaldo Tamayo Méndez e Yuri Romanenko. Missão Soyuz 38 - 18 a 26 de Setembro de 1980.)

BIIIIINGOOO!!!
Aqui estava um Amphibia, discreto e bonito para o meu gosto e que além disso também andou pelo espaço (começo a achar que todos os relógios russos/soviético andaram pelo espaço, desde que dessem horas certas tudo valia). Matava assim dois coelhos de uma cajadada só. :drinkingcheers:
O modelo em questão é conhecido entre os coleccionadores como Vostok Amphibia first generation, Vostok Amphibia 2009 ou type 350 (em alusão ao movimento e ao código de referência da caixa, respectivamente).
Eis o meu "bicho", feito para o mercado interno soviético...

Vostok Amphibia - 1.ª Geração Img_8628

O mostrador e o acrílico estão impecáveis. Esses pontinhos são apenas pó na superfície Embarassed. Quanto à falta de "lume" no ponteiro das horas... sempre posso dizer que é um ponteiro ao estilo dos modernos Omega Seamaster Cool.
A correia foi para o desenrasque, vem já uma "Tropical" a caminho.


Vostok Amphibia - 1.ª Geração Trasei10



ESPECIFICAÇÕES:

  • Marca - Vostok;
  • Modelo - Amphibia;
  • Referência - 2209/350193;
  • Caixa - Aço Inox;
  • Diâmetro sem coroa - 38,5mm;
  • "lug to lug" - 51,3mm;
  • Espessura - 11,5mm;
  • Vidro - Acrílico;
  • Movimento -2209, 18 pedras, 18000 A/h, reserva para 38h.


Ano de fabrico algures entre os finais de 1960 e final de 1970.

Vostok Amphibia - 1.ª Geração Oshrkk10
Página de catálogo de 1976.





UM POUCO DE HISTÓRIA


Vostok Amphibia - 1.ª Geração Modern10

Todo começou quando na década de 60 o governo soviético encarrega a fábrica de relógios de Chistopol (também conhecida como Vostok ou fábrica 835) de construir um novo relógio para equipar a sua marinha. Este relógio deveria ser prático, resistente, adequado para uso terrestres e subaquático até uma profundidade de 200m e não poderia ser inferior aos modelos suíços.

Contudo, na época a Vostok não possuía a capacidade tecnológica para emular o design dos modelos das marcas suíças, como o Submariner da Rolex, o Fifty Fanthoms da Blancpain ou o Seamaster da Omega. Pelo que a opção de adquirir patentes ou direitos de uso às suas congéneres helvéticas estava fora de questão (além de que, as patentes não deveriam ser nada baratas scratch). Era assim necessário desenvolver um desenho novo e original adaptado às limitações técnicas da empresa.


Vostok Amphibia - 1.ª Geração Om2rf10
A tarefa de desenvolver este novo projecto recaiu sobre Mikhail Fedorovich Novikov (chefe do gabinete de design da Vostok)  e Vera Feodorovna Belova.  Que após alguns anos de pesquisa apresentaram, em 1967, o resultado final do seu trabalho. Nascia assim o modelo Amphibia da Vostok.
Ao contrário dos relógios de mergulho ocidentais, que apostavam na força bruta (caixas e vidros espessos) e num sistema com várias camadas de anéis de borrachas vedantes, para resistirem às altas pressões e manter o relógio estanque, Novikov e Belova optaram por utilizar um conceito mais simples e economicamente mais vantajoso. O conceito de hermeticidade dinâmica.

Este conceito fundamental do desenho do Amphibia, usa a pressão da água para aumentar a estanquicidade do relógio. Quanto mais pressão for exercida sobre o relógio mais hermético este se torna.

Os esforços de Novikov e Belova centraram-se em 4 partes fundamentais de um relógio. O cristal, a tampa traseira e a coroa.
Vostok Amphibia - 1.ª Geração Dsc01410




O CRISTAL
A maioria dos relógios de mergulho existentes na época usava um cristal espesso de vidro mineral, que necessitava de uma série de vedantes de borracha e de anéis de retenção para manter o cristal correctamente assente e estanque.
Este método era economicamente inaceitável para os técnicos soviéticos, pois requeria a manufactura, e posterior montagem, de um maior número de peças.

Novikov e Belova apostaram no uso de um cristal de acrílico, produzido em forma de cúpula achatada e com um diâmetro determinado rigorosamente, para que a zona de contacto entre o cristal e a caixa do relógio fosse completamente estanque.
Vostok Amphibia - 1.ª Geração Vidro10

Além disso, a natureza flexível do acrílico, conjugada com a forma do cristal, faziam com que a uma profundidade de 200m este achatasse e alargasse cerca de 0,5mm. Criando uma vedação ainda mais estanque, sem necessidade do uso de um anel extra de borracha vedante.




TAMPA TRASEIRA
A maioria dos relógios de mergulho, tanto no anos 60 como agora, usa uma tampa traseira de enroscar com um anel de borracha fino e flexível. Quando a tampa é enroscada, este anel de borracha é comprimido contra a caixa do relógio, impedido a água de entrar para o interior do mesmo.

O acto de enroscar a tampa vai provocar um cisalhamento do anel vedante. Além de ser comprimido este vai sofrer um esticamento, não recuperando a sua forma inicial quando a tampa é novamente removida. Isto obriga a que o anel vedante tenha de ser substituído sempre que a tampa traseira é removida.

Os designers da Vostok superaram este problema usado um método inovador. A tampa traseira dos Amphibia não enrosca como nos relógios convencionais. Em vez disso a tampa assenta sobre um grande anel de borracha e possui duas chavetas que encaixam em duas saliências que impedem que a esta rode. O terceiro elemento deste sistema e o anel de travamento, este sim, enrosca na caixa do relógio e comprime a tampa contra o anel vedante.

Este método permite o uso de um anel vedante mais largo, o que por si só é uma vantagem face ao sistema tradicional que usa vedações finas com menor área de contacto. O facto de a tampa traseira não rodar sobre o anel vedante provocando a sua deformação, elimina a necessidade de este ter de ser mudado sempre que a tampa é removida. Além disso, o sistema permite que a uma profundidade de 200m a tampa seja comprimida contra o anel de vedação mais 20 a 30%, tornando-o ainda mais estanque.




A COROA
Tal como todos os relógios de mergulho (espero não estar a dizer nenhuma asneira), o Vostok Amphibia utiliza uma coroa de enroscar com um anel vedante no interior. Contudo Novikov e Belova decidiram incorporar uma última característica revolucionaria no seu modelo inovador.

A coroa e a tige (penso ser este o termo técnico) possuem um sistema de engate/desengate. O movimento e a tige encontram-se completamente separados da caixa do relógio. Se o relógio sofrer um impacto na coroa, ou se ocorrer um ligeiro deslize do movimento dentro da caixa, não existe o risco da tige ficar danificada.

O que para alguns "novatos" pode parecer uma falha do departamento de controlo de qualidade é de facto mais uma característica bastante pertinente implementada pela Vostok.
Este post tem uma animações espectaculares sobre o sistema de engate/desengate:

QUANTO À RARIDADE DO RELÓGIO

Ainda é bastante fácil de o encontrar e a preços razoáveis, mas não esperem nada tão barato como um Vostok moderno.
Por estranho que pareça, a versão para o mercado interno russo (Boctok) é mais difícil de encontrar do que a versão para exportação (Wostok) e consequentemente é mais cara.

Existe também uma versão militar que se distingue das demais (entre outras coisas) pelas presilhas e por terem marcado na tampa traseira "30 ATM". Esta versão é estupidamente cara e difícil de encontrar, foi por isso que eu me fiquei pela versão normal para o mercado russo Rolling Eyes.

Vostok Amphibia - 1.ª Geração 3kvpbr10


Fontes e outras referências:
https://www.relojes-especiales.com/foros/relojes-rusos/vostok-amphibia-type-350-the-first-generation-446442/
Entrevista com Novikov e Belova
https://forums.watchuseek.com/f54/vostok-amphibia-analysis-design-methodology-491757.html
https://kaminskyblog.com/2017/05/29/vostok-amphibia-150-amphibia-history-review/https://forums.watchuseek.com/f10/vostok-amphibia-2209-first-generation-300m-soviet-military-issue-diver-ca-1970s-1182434.html
https://forums.watchuseek.com/f10/soviet-era-vostok-amphibian-survey-1069454.html
https://www.youtube.com/watch?v=QOxPUlo3hzI

TENHO DITO.

Vostok Amphibia - 1.ª Geração Img_8629
JPP
JPP
Mensagens : 4403
Data de inscrição : 10/12/2018
Idade : 57
Localização : Lisboa

Vostok Amphibia - 1.ª Geração Empty Re: Vostok Amphibia - 1.ª Geração

Ter 23 Jul 2019, 15:05
E tens dito muito bem! Obrigado, foi um prazer ler, é isto que dá gozo nos relógios vintage!  Thumbs Up
m84
m84
Moderador
Mensagens : 3115
Data de inscrição : 07/04/2015

Vostok Amphibia - 1.ª Geração Empty Re: Vostok Amphibia - 1.ª Geração

Ter 23 Jul 2019, 22:44
Mais uma vez, grande post @SquareWatch! cheers
De russos percebo pouco mas já me cruzei com este modelo pela net. Agora, com este teu post já percebo mais.
Sei o esforço que é elaborar posts assim mas agradeço Thumbs Up

Abr
SquareWatch
SquareWatch
Mensagens : 930
Data de inscrição : 27/04/2019

Vostok Amphibia - 1.ª Geração Empty Re: Vostok Amphibia - 1.ª Geração

Qua 24 Jul 2019, 21:03
m84 escreveu:Mais uma vez, grande post @SquareWatch! Vostok Amphibia - 1.ª Geração Icon_cheers
De russos percebo pouco mas já me cruzei com este modelo pela net. Agora, com este teu post já percebo mais.
Sei o esforço que é elaborar posts assim mas agradeço Vostok Amphibia - 1.ª Geração 1423610780

Abr

Sempre às ordens.

Foi assim que eu fui aprendendo alguma coisa sobre relógios. Foi graças às centenas de post, artigos e vídeos que outros aficionados foram escrevendo pela net.

É uma maneira de pagar pelo conhecimento adquirido de forma gratuita e contribuir também para a divulgação e perpetuação do mesmo.

Só é pena a edição. Fica sempre tudo desformatado. Ainda não me entendo com o editor de texto. Não sei se é culpa dele ou minha Mad
nmfl
nmfl
Mensagens : 1916
Data de inscrição : 25/04/2017

Vostok Amphibia - 1.ª Geração Empty Re: Vostok Amphibia - 1.ª Geração

Qui 25 Jul 2019, 11:41
Bom post sobre um grande e importante modelo de relógios, @SquareWatch - um autêntico "serviço público" para o fórum Wink
filipe cunha
filipe cunha
Mensagens : 708
Data de inscrição : 11/11/2017

Vostok Amphibia - 1.ª Geração Empty Re: Vostok Amphibia - 1.ª Geração

Sex 26 Jul 2019, 13:36
Tambem tenho um, mas novo, comprado recentemente, mas rapidamente lhe comprei a tampa traseira em vidro. Very Happy
SquareWatch
SquareWatch
Mensagens : 930
Data de inscrição : 27/04/2019

Vostok Amphibia - 1.ª Geração Empty Re: Vostok Amphibia - 1.ª Geração

Sex 26 Jul 2019, 22:25
filipe cunha escreveu:Tambem tenho um, mas novo, comprado recentemente, mas rapidamente lhe comprei a tampa traseira em vidro. Vostok Amphibia - 1.ª Geração Icon_biggrin

Não sabia que faziam tampas em vidro para os Amphibia. Obrigado pela dica Thumbs Up
filipe cunha
filipe cunha
Mensagens : 708
Data de inscrição : 11/11/2017

Vostok Amphibia - 1.ª Geração Empty Re: Vostok Amphibia - 1.ª Geração

Sex 26 Jul 2019, 22:40
SquareWatch escreveu:
filipe cunha escreveu:Tambem tenho um, mas novo, comprado recentemente, mas rapidamente lhe comprei a tampa traseira em vidro. Vostok Amphibia - 1.ª Geração Icon_biggrin

Não sabia que faziam tampas em vidro para os Amphibia. Obrigado pela dica Thumbs Up

Sim fazem e com as 10atms , foi logo a primeira compra para ele, dá outra graça....se precisares de mais info/fotos
Conteúdo patrocinado

Vostok Amphibia - 1.ª Geração Empty Re: Vostok Amphibia - 1.ª Geração

Ir para o topo
Permissões neste sub-fórum
Não podes responder a tópicos